Um anel que “fala”

Imagem da notícia: Um anel que “fala”

Investigadores americanos estão a desenvolver um anel capaz de ditar textos a invisuais.

O ‘FingerReader’ utiliza uma câmara minúscula que, através de um scan, procura em tempo real texto numa qualquer superfície.

Este anel é usado no dedo indicador direito e está concebido para acompanhar os movimentos da mão.

Assim que deteta uma palavra “dita-a” ao utilizador através de uma voz computorizada, reproduzida por uma coluna incorporada no anel.

O aparelho é também capaz de avisar, com recurso a vibrações, quando uma frase está a chegar ao fim e quando o dedo está a desviar-se da trajetória de leitura.

Para já, trata-se de um protótipo criado por alunos do Media Lab, do Massachusetts Institute of Technology (MIT), mas promete adquirir grande importância nas vidas dos invisuais.

Veja aqui um vídeo disponibilizado pelo grupo do Media Lab.

 

24 Fevereiro 2014
Atualidade

PUBLICIDADE
|MIDO 2022
`

Notícias relacionadas

“Em 2050, uma em cada duas pessoas vão sofrer de miopia”

O alerta é da OMS sublinhado pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra. No Dia Mundial da Visão a instituição chama atenção para a excessiva exposição de crianças a dispositivos eletrónicos. 80% de todas as causas de deficiência visual são evitáveis ou podem ser tratáveis mediante prevenção adequada.

Ler mais 14 Outubro 2021
AtualidadeOftalmologia