“A oftalmologia angolana é emergente”

Imagem da notícia: “A oftalmologia angolana é emergente”

Rosa Salvaterra é médica oftalmologista em Luanda. Em entrevista, falou-nos do seu percurso profissional e do estado da profissão em Angola, assim como das patologias visuais mais frequentes neste país.

“Os principais problemas e os mais comuns em Angola são os defeitos de refração, as infeções, a catarata e o glaucoma. Nos últimos anos temos assistido a um aumento da patologia traumática, devido ao índice elevado da sinistralidade rodoviária, e da retinopatia diabética. A nossa situação enquadra-se na realidade da África subsahariana”.

Saiba mais na próxima edição.

4 Julho 2017
Oftalmologia

PUBLICIDADE
|MIDO 2022
`

Notícias relacionadas

Oftalmologista Rita Gama premiada no WSPOS

Rita Gama, coordenadora da equipa da oftalmologia pediátrica do Hospital da Luz Lisboa, foi premiada com o Best Free Paper Award do congresso da World Society of Paediatric Ophthalmology and Strabismus (WSPOS), que decorreu nos dias 25 e 26 de setembro em formato virtual.

Ler mais 21 Outubro 2021
Oftalmologia

“Em 2050, uma em cada duas pessoas vão sofrer de miopia”

O alerta é da OMS sublinhado pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra. No Dia Mundial da Visão a instituição chama atenção para a excessiva exposição de crianças a dispositivos eletrónicos. 80% de todas as causas de deficiência visual são evitáveis ou podem ser tratáveis mediante prevenção adequada.

Ler mais 14 Outubro 2021
AtualidadeOftalmologia