Ultrassons para diagnosticar cataratas

Imagem da notícia: Ultrassons para diagnosticar cataratas

Investigadores do Instituto de Telecomunicações (IT) e do Departamento de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores (DEEC) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra descobriram uma forma de utilizar os ultrassons no diagnóstico das cataratas, doença que afeta 20 milhões de pessoas em todo o mundo.

Segundo o Diário de Notícias, “o hardware de base é hardware comercial de relativo baixo custo”, explica Marco Gomes, professor assistente da Universidade de Coimbra e investigador do Instituto de Telecomunicações. “O protótipo desenvolvido faz uso de sondas oftalmológicas de ultrassons, respetivo gerador de pulsos excitadores da sonda e sistema amplificador de receção, e sistema de aquisição e processamento de dados baseado numa FPGA/processador de baixo custo (sistema ZYNQ).” Já “a aplicação concreta”, relativa “à deteção do estado da catarata, o seu tipo e a sua dureza”, representa algo de inteiramente novo no combate a esta doença. “Constitui uma inovação do estado da arte, tendo todo o software sido desenvolvido de raiz”, acrescenta.

Saiba mais aqui.

7 Setembro 2017
Oftalmologia

PUBLICIDADE
|MIDO 2021
`

Notícias relacionadas

Leadership Online Series aponta a 3.ª sessão

A terceira sessão do evento acontece na próxima sexta-feira, 18 de junho e vai contar com a participação de Michael Brennan, Tamara Fountain, José Beniz, Maria Frazão e Wanjiku Mathenge.

Ler mais 16 Junho 2021
AtualidadeEventos e FormaçãoOftalmologia

CIRP 2021 promove diálogo e entrega prémios

O CIRP 2021 – Reunião dos Grupos Portugueses de Cirurgia Implanto-Refrativa, Superfície Ocular, Córnea e Contactologia, decorreu no passado fim de semana (12 e 13 junho), em Albufeira.

Ler mais 15 Junho 2021
AtualidadeEventos e FormaçãoOftalmologia