Oftalmologia: “Esperar mil dias por uma consulta é tempo excessivo”

Imagem da notícia: Oftalmologia: “Esperar mil dias por uma consulta é tempo excessivo”

Segundo o jornal Público, o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo, admitiu recentemente que esperar cerca de mil dias por uma consulta é “tempo excessivo”, depois de uma visita ao Hospital de Santo André, do Centro Hospitalar de Leiria (CHL).

À margem da visita, o secretário de Estado mostrou-se descontente com os indicadores do portal do Serviço Nacional de Saúde, denunciados pelo Sindicato Independente dos Médicos (SIM) e que referem que os utentes dos hospitais públicos chegam a esperar mais de dois anos por uma primeira consulta prioritária de oftalmologia.

“É, seguramente, tempo excessivo. Temos de combater isso. Não podemos ficar descansados nem satisfeitos com esses resultados. Significa que estão pessoas à espera mais daquilo do que deviam. Temos é também de ter a força e determinação para encontrar boas soluções”, salientou Fernando Araújo.

Saiba mais aqui.

6 Fevereiro 2018
Oftalmologia

PUBLICIDADE
|MIDO 2021
`

Notícias relacionadas

CIRP 2021 promove diálogo e entrega prémios

O CIRP 2021 – Reunião dos Grupos Portugueses de Cirurgia Implanto-Refrativa, Superfície Ocular, Córnea e Contactologia, decorreu no passado fim de semana (12 e 13 junho), em Albufeira.

Ler mais 15 Junho 2021
AtualidadeEventos e FormaçãoOftalmologia

Huvitz HOCT: o novo equipamento “5 em 1”

Para além da medição da Biometria, o novo Huvitz HOCT permite fazer a medição da Topografia. O novo Huvitz HOCT está “mais completo”, prometendo concentrar várias capacidades num único equipamento.

Ler mais 14 Junho 2021
AtualidadeLentes e equipamentosOftalmologia