Vitamina A atrasa o progresso da retinite pigmentosa

Imagem da notícia: Vitamina A atrasa o progresso da retinite pigmentosa

Estudos indicam que a vitamina A pode atrasar a perda gradual da visão periférica em crianças, sendo este o principal sintoma da retinite pigmentosa.

A afirmação tem por base um estudo que incluiu 55 pacientes com esta patologia que tomaram suplementos orais de vitamina A, enquanto que outros 25 pacientes não foram tratados e serviram de controlo. Os indivíduos foram acompanhados entre 4 a 5 anos.

A suplementação de vitamina A foi, aproximadamente, associada com 50% de desaceleração da taxa exponencial média de declínio da amplitude do eletrorretinograma do cone de campo total em comparação com os indivíduos de controlo.

Os resultados sugerem que a vitamina A pode ser útil para retardar a progressão da retinite pigmentosa em crianças. Particularmente, o suplemento de vitamina A pode ser benéfico para crianças com alto risco de doença agressiva.

Saiba mais aqui.

13 Abril 2018
Oftalmologia

PUBLICIDADE
MIDO 2022
`

Notícias relacionadas

Janeiro, mês da consciencialização do glaucoma

A Prevent Blindness, uma organização sem fins lucrativos de saúde e segurança ocular, de Chicago, declarou janeiro como o mês da consciencialização do glaucoma. O objetivo é oferecer “uma variedade de recursos educacionais e de consciencialização gratuitos para ajudar a prevenir a perda desnecessária da visão”.

Ler mais 11 Janeiro 2022
AtualidadeOftalmologia

SPO adianta eventos para 2022

A Sociedade Portuguesa de Oftalmologia revela algumas iniciativas já programadas para o novo ano de 2022.

Ler mais 7 Janeiro 2022
AtualidadeEventos e FormaçãoOftalmologia

Revista OftalPro 54

A OftalPro 54, edição que destaca na capa Tiago Monteiro, oftalmologista e o responsável pela secção de Córnea e Cirurgia Implanto-Refrativa do Hospital de Braga e também no Hospital CUF Porto, está disponível para consulta online.

Ler mais 6 Janeiro 2022
OftalmologiaRevista