Como minimizar as listas de espera para consultas de oftalmologia?

Imagem da notícia: Como minimizar as listas de espera para consultas de oftalmologia?

Um estudo realizado pela Nova Healthcare Initiative Research, da Universidade Nova de Lisboa, revela que 25% dos pedidos de consulta de oftalmologia podem ser resolvidos por optometristas, dada a natureza das condições referenciadas e caso estes profissionais fossem integrados no Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Segundo noticia o portal Sapo, esta é uma das resoluções apresentadas pelo trabalho de investigação,com a assinatura do economista Pedro Pita Barros e o gestor hospitalar Alexandre Lourenço, e que visa “a generalização dos programas de rastreio e a redução ou mesmo eliminação dos tempos de espera para consulta de oftalmologia”.

Para Raúl de Sousa, presidente da Associação de Profissionais Licenciados de Optometria (APLO), “esta é uma realidade que poderia ser retificada através da regulamentação e integração de optometristas no SNS, uma vez que que esta especialidade está preparada para fornecer cuidados extensivos em visão e sistema visual, que incluem refração e prescrição, deteção e acompanhamento de doenças oculares e o tratamento de condições do sistema visual”.

“Tomamos estas recomendações em muito boa conta e concordamos com a abordagem multidisciplinar proposta de cooperação entre os optometristas e oftalmologistas, a qual beneficiará, e muito, o utente. As conclusões e recomendações do referido estudo são de tal importância e preveem tal impacto na saúde dos portugueses, que não podem deixar de ser analisadas e considerada no atual processo de elaboração da Estratégia Nacional para a Saúde da Visão”, diz Raúl de Sousa.

27 Fevereiro 2019
Oftalmologia

`

Notícias relacionadas

UOC realiza intervenção inovadora em doentes com cataratas

Uma equipa de cirurgiões da UOC – Unidade de Oftalmologia de Coimbra tem alcançado resultados muito promissores com a aplicação de uma nova lente intraocular para a correção da presbiopia em doentes com cataratas ou com cristalino transparente, desde que reúnam as condições técnicas necessárias.

Ler mais 29 Julho 2020
Oftalmologia

Intervenção da OM trava fecho da urgência noturna de oftalmologia em Lisboa

A Ordem dos Médicos (OM) e o Colégio de Oftalmologia da Ordem dos Médicos denunciaram publicamente que a região de Lisboa iria ficar sem urgência noturna de oftalmologia no período entre as 20h e as 8h, que funcionava até agora no Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte (CHULN) e/ou no Centro Hospitalar Universitário Lisboa Central (CHULC).

Ler mais 27 Julho 2020
AtualidadeOftalmologia