Exploratório e Centro Cirúrgico de Coimbra apresentam o ciclo Médicos na Exposição 2020

Imagem da notícia: Exploratório e Centro Cirúrgico de Coimbra apresentam o ciclo Médicos na Exposição 2020
O ciclo Conversar é o melhor Remédio – Médicos na Exposição afirmou-se nos dois últimos anos na programação do Exploratório e prossegue em 2020, dando seguimento à proposta feita a um público alargado: aproveitar o final de tarde do terceiro sábado de cada mês para conversar informalmente com médicos de diferentes especialidades.

Esta sexta-feira, às 12h00, o ciclo 2020 Conversar é o melhor Remédio – Médicos na Exposição vai ser apresentado no Centro Cirúrgico de Coimbra, numa sessão a contar com a presença de António Travassos, presidente do Conselho de Administração do Centro Cirúrgico de Coimbra, e de Paulo Trincão, diretor do Exploratório – Centro Ciência Viva de Coimbra.

Conversar é o melhor Remédio – Médicos na Exposição é um programa de conversas informais com médicos de diferentes especialidades. Todos os meses, um médico do Centro Cirúrgico de Coimbra vai ao Exploratório conversar com o público sobre uma diferente temática, todas relacionadas com saúde e medicina.

O programa desenvolveu-se ao longo de 2018 e 2019 e vai prosseguir em 2020 com um conjunto de sessões que propõem conversas sobre temáticas tão diversas quanto neurologia, cardiologia, psiquiatria, medicina interna, cirurgia cardiotorácica, oftalmologia, urologia ou cirurgia vascular. As sessões são gratuitas e decorrem no espaço da exposição Em Forma com a Ciência, sempre no terceiro sábado de cada mês.

9 Janeiro 2020
Atualidade

PUBLICIDADE
Mido 2020
`

Notícias relacionadas

AIBILI e ESEnfC celebram acordo de colaboração

A Associação para Investigação Biomédica e Inovação em Luz e Imagem e a Escola Superior de Enfermagem de Coimbra assinaram um acordo de parceria para o desenvolvimento de atividades de investigação clínica que junta duas instituições da mesma cidade.

Ler mais 18 Fevereiro 2020
Atualidade

O valor do papel na era digital

Acreditou-se, durante anos, que o papel impresso deixaria de ter uso. Dizia-se que os e-books iriam substituir os livros tradicionais e que sites online iriam suplantar os meios de comunicação em formato físico. No entanto, nada disto aconteceu.

Ler mais 16 Fevereiro 2020
Atualidade

Radar das emoções desenvolvido na UA

É um radar, mas não serve para monitorizar a velocidade dos automóveis nem o espaço aéreo. Monitoriza, isso sim, emoções. Desenvolvido na Universidade de Aveiro (UA) o inédito radar, qual filme de ficção científica, consegue identificar o estado emocional de um indivíduo usando apenas sinais vitais detetados à distância.

Ler mais 7 Fevereiro 2020
Atualidade