“A oftalmologia portuguesa tem acompanhado a evolução a nível global”

Imagem da notícia: “A oftalmologia portuguesa tem acompanhado a evolução a nível global”

Joaquim Mira, o médico oftalmologista que protagoniza a capa da OftalPro 48, dá-nos a sua opinião sobre o patamar em que se encontra a oftalmologia portuguesa, quando comparada com a do resto do mundo:

“A oftalmologia portuguesa, como as outras especialidades médicas e cirúrgicas, tem acompanhado da melhor forma a evolução científica e tecnológica existentes a nível global. Não tenho dúvida que a maioria dos hospitais públicos e o setor privado estão bem apetrechados de tecnologias de ponta, comparativamente aos serviços considerados de excelência a nível mundial, e que os oftalmologistas portugueses estão igualmente bem preparados nas áreas médica ou cirúrgica e são muito considerados a nível internacional. Aliás, veja-se a quantidade e a qualidade da investigação e as apresentações em congressos e reuniões científicas e publicações produzidas por oftalmologistas portugueses”.

Entrevista completa na OftalPro 48.

28 Abril 2020
Entrevistas

`

Notícias relacionadas

A oftalmologia depois da Covid-19

Os impactos da pandemia Covid-19 na oftalmologia e noutras ciências da visão, como a ortóptica, as medidas que os profissionais, clínicas e unidades hospitalares devem tomar para minimizar uma nova crise e os pontos positivos a retirar de toda esta situação foram as questões colocadas pela OftalPro.

Ler mais 1 Julho 2020
EntrevistasOftalmologia

“Escolhi oftalmologia porque me pareceu mais aliciante”

Joaquim Mira, após a conclusão do ensino secundário à noite, enquanto trabalhava durante o dia, iniciou em 1975 o Curso de Medicina na Universidade de Coimbra e em 1986 a especialidade de oftalmologia no Hospital da Universidade de Coimbra. Hoje é uma referência no país no que diz respeito à cirurgia refrativa e da catarata.

Ler mais 31 Março 2020
Entrevistas