Governo cria sistema de incentivos à segurança nas PME

Imagem da notícia: Governo cria sistema de incentivos à segurança nas PME

No atual contexto de pandemia provocada pela Covid-19, o governo português decidiu lançar um sistema de apoio às empresas, chamado Programa ADAPTAR, que pode ser aplicado ao setor da oftalmologia. Podem candidatar-se as micro, pequenas e médias empresas e os apoios referem-se a materiais de proteção (máscaras, luvas, etc.), equipamentos, entre outros.

Em termos práticos, o INE (Instituto Nacional de Estatística) considera somente a variável número de pessoas ao serviço para classificar as empresas em micro, pequena e média, utilizando os limiares definidos por decreto-Lei. Na categoria das PME (Pequenas e Médias Empresas), uma pequena empresa é definida como uma empresa que emprega menos de 50 pessoas e cujo volume de negócios anual ou balanço total anual não excede 10 milhões de euros. Uma micro empresa é definida como uma empresa que emprega menos de 10 pessoas e cujo volume de negócios anual ou balanço total anual não excede dois milhões de euros.

Entre as medidas deste programa está o apoio aos “custos de aquisição de equipamentos de proteção individual para trabalhadores e utentes, equipamentos de higienização, contratos de desinfeção e os custos com a reorganização dos locais de trabalho e alterações de layout dos estabelecimentos”.

Saiba mais aqui.

18 Maio 2020
Atualidade

`

Notícias relacionadas

Pedro Menéres apresenta candidatura à SPO

Com a experiência de dois mandatos na direção da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO) (biénio 2015/2016 e 2021/2022), e exercício anterior como membro do Board de duas sociedades internacionais (ESA e ESCRS), Pedro Menéres apresenta agora a sua candidatura à presidência da SPO para o biénio que se inicia em janeiro de 2025.

Ler mais 16 Julho 2024
Atualidade

AbbVie apoia SEMEAR e doa 100 cabazes à Academia Johnson

A AbbVie realizou, em junho, mais um "Week of Possibilities", o seu programa global de responsabilidade social que consiste em contribuir para as comunidades locais através do voluntariado. Nesta edição, a biofarmacêutica colaborou com o projeto SEMEAR para a doação de 100 cabazes à Academia Johnson.

Ler mais 15 Julho 2024
Atualidade