Estimulação do córtex visual permite que pessoas cegas “vejam” formas

Imagem da notícia: Estimulação do córtex visual permite que pessoas cegas “vejam” formas

Para a maioria dos adultos que perdem a visão, a cegueira resulta de danos nos olhos ou no nervo ótico, enquanto o cérebro permanece intacto. Durante décadas, os investigadores propuseram o desenvolvimento de um dispositivo que pudesse restaurar a visão, ignorando os olhos deteriorados e fornecendo informações visuais de uma câmara diretamente para o cérebro. Num artigo publicado na revista Cell a 14 de maio, uma equipa de investigadores do Baylor College of Medicine, em Houston, revela que estão mais próximos deste objetivo.

Descrevem uma abordagem em que os elétrodos implantados são estimulados numa sequência dinâmica, “traçando” formas na superfície do córtex visual que os participantes foram capazes de “ver”. “Quando usámos a estimulação elétrica para rastrear dinamicamente as letras diretamente no cérebro dos pacientes, eles foram capazes de “ver” as formas pretendidas e puderam identificar corretamente letras diferentes”, diz o autor sénior Daniel Yoshor. “Descreveram ainda ter visto pontos brilhantes ou linhas formando as letras, como escrever no céu”.

Tentativas anteriores de estimular o córtex visual não obtiveram tanto sucesso. Esses métodos tratavam cada elétrodo como um pixel numa exibição visual, estimulando muitos deles ao mesmo tempo. Os participantes puderam detetar pontos de luz, mas foi-lhes difícil discernir objetos ou formas visuais. “Em vez de tentar construir formas a partir de vários pontos de luz, traçámos contornos”, diz o primeiro autor Michael Beauchamp. “A nossa inspiração para isso foi a ideia de desenhar uma carta na palma da mão de alguém”.

Saiba mais aqui.

9 Junho 2020
Oftalmologia

PUBLICIDADE
MIDO 2021
`

Notícias relacionadas

Especialistas apelam à retoma da vigilância oftalmológica

Embora os tempos recentes tenham conduzido a alterações substanciais no acesso aos cuidados oftalmológicos, os tratamentos e consultas de acompanhamento junto do profissional da visão devem ser mantidos numa base regular para evitar danos graves na visão.

Ler mais 9 Outubro 2020
Oftalmologia