Jogar Tetris pode curar alguns tipos de ambliopia

Imagem da notícia: Jogar Tetris pode curar alguns tipos de ambliopia

Artigo da autoria do médico oftalmologista José Salgado-Borges:

Popular em todo o mundo, o Tetris teve a sua primeira versão lançada em 1984 por três engenheiros informáticos da antiga União Soviética. Quase 30 anos depois, o jogo foi estudado por médicos do Canadá que dizem que o videojogo pode ajudar a tratar casos de ambliopia.

De forma geral, classificamos a ambliopia como a diminuição da acuidade visual num ou em ambos os olhos sem que tenha sido verificada alguma anomalia no olho em si. Por outras palavras, falamos de ambliopia quando não existe razão para que o olho apresente uma determinada acuidade visual menor em relação ao outro, mas ainda assim ela existe.

Os motivos por trás deste problema podem ser vários, mas normalmente este é um problema associado a outros como a miopia, o astigmatismo, a hipermetropia ou o estrabismo. A correção é possível, no entanto leva tempo já que é necessário que o cérebro se adapte à nova forma de processar as imagens. E é precisamente aqui que o jogo Tetris entra.

Devido à vertente lúdica, procura-se aplicar o uso deste jogo em crianças. O motivo por detrás da escolha do Tetris prende-se essencialmente com o facto de os jogadores serem obrigados a focar a sua visão para perceber exatamente qual é a peça que vem a seguir e ajustá-la para que fique na posição certa.

Artigo completo aqui.

9 Setembro 2020
Oftalmologia

PUBLICIDADE
MIDO 2021
`

Notícias relacionadas

Covid-19: oftalmologistas precisam de vigiar manifestações oculares

No final de março, foi publicado na JAMA Ophthalmology o primeiro relatório sobre 12 casos de conjuntivite em 38 pacientes hospitalizados com Covid-19 na província de Hubei, na China. Essas descobertas foram cruciais para espalhar o alarme sobre uma possível infeção por SARS-CoV-2 através do olho e a necessidade de proteger os profissionais de saúde visual.

Ler mais 16 Setembro 2020
AtualidadeOftalmologia