Inquérito da Essilor avalia população sobre vista cansada

Imagem da notícia: Inquérito da Essilor avalia população sobre vista cansada

A direção de Saúde Visual da Essilor Portugal está a fazer um inquérito à população portuguesa para conhecer as opiniões e rotinas dos indivíduos potencialmente presbitas, ou com vista cansada, e tentar compreender os hábitos visuais de cada um, especialmente no atual contexto de pandemia.

O inquérito online avalia o grau de conhecimento sobre os sintomas e os efeitos da presbiopia, as razões para não corrigir ou demorar muito para tratar a presbiopia e os meios de correção utilizados.

A presbiopia, popularmente conhecida como vista cansada, é um problema fisiológico do olho, associado à idade, que consiste na incapacidade de ver claramente os objetos que estão localizados a distâncias curtas. A causa é a perda de elasticidade gradual do cristalino e o enfraquecimento dos músculos que o controlam. A idade em que geralmente aparecem os primeiros sintomas da presbiopia é a partir dos 40 anos, embora haja casos em que se apresentam em idades mais jovens.

A presbiopia é um problema fisiológico que deve ser encarado naturalmente e corrigido ou tratado o mais rápido possível, procurando um profissional de Saúde Visual, de modo a evitar que a visão piore.

Alberto Silva, director do Departamento de Saúde Visual da Essilor, salienta que “o estudo vai ao encontro do mantra da Essilor – Vê Melhor, Vive Melhor – tendo subjacente a nossa filosofia de que ‘ver bem, não é incompatível com ver-se bem’ e ambas são importantes para nos sentirmos melhor”.

24 Setembro 2020
Oftalmologia

`

Notícias relacionadas

Saúde visual dos portugueses foi agravada com a pandemia

O inquérito “Ver-se Bem” – conduzido pela Direção de Saúde Visual da Essilor Portugal entre setembro e novembro de 2020, envolvendo 833 voluntários que responderam a um questionário sobre a sua saúde visual – incide em diferentes campos, dos impactos do confinamento e da pandemia, à miopia e ao conhecimento sobre os sintomas e correção da presbiopia, ou “vista cansada”.

Ler mais 27 Janeiro 2021
Oftalmologia

SPO aposta na formação científica e educação médica

O presidente da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO), Rufino Silva, falou aos sócios sobre as principais linhas de ação da instituição que vai dirigir ao longo dos próximos dois anos. Neste artigo destacamos uma delas: a área da formação científica e educação médica.

Ler mais 25 Janeiro 2021
Oftalmologia

Córnea sintética ajuda cego a voltar a ver

Um homem de 78 anos estava dado como legalmente cego e recuperou a visão, sendo capaz de reconhecer familiares e ver números num quadro. O feito só foi possível devido ao implante da córnea sintética desenvolvida pela CorNeat que pode ser colocado diretamente no olho para substituir córneas danificadas, sem necessidade de tecido humano.

Ler mais 21 Janeiro 2021
Oftalmologia