Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha

Imagem da notícia: Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha

Segundo o jornal Público, “o Grande Prémio Ciência Viva distingue Alexandre Quintanilha pela sua ação notável na promoção da cultura científica enquanto investigador, professor, autor e divulgador nas áreas da biologia e da biofísica”. Alexandre Quintanilha é doutorado em física teórica e fundou o Instituto de Biologia Molecular e Celular (IBMC), na Universidade do Porto. Presidiu também à comissão de criação do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde (i3S), onde se integra actualmente o IBMC.

O Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos foi distinguido com o Prémio Ciência Viva Educação, que “reconhece o mérito desta iniciativa na promoção, de forma lúdica, da concentração e do raciocínio lógico, essenciais para a aprendizagem da matemática”. Além disso, distinguem-se ainda os seus esforços de inclusão social, como a criação de uma categoria para alunos cegos e amblíopes.

O Prémio Ciência Viva Media foi para a campanha de educação “2 Minutos para Mudar de Vida”, da autoria da Unidade de Prevenção de Cancro do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (Ipatimup) e do i3S, em parceria com a Fundação Belmiro de Azevedo. Esta campanha promove as mudanças de comportamento ao alcance de cada um para prevenir o cancro e outras doenças não transmissíveis. Ao todo tem 20 episódios e foi transmitido pela RTP1.

Saiba mais aqui.

24 Novembro 2020
Atualidade

`

Notícias relacionadas

Novo confinamento: oftalmologistas podem abrir portas

O Governo já anunciou as medidas do novo confinamento geral para um combate necessário ao avultado número de infetados com Covid-19. Na generalidade, voltam a ser aplicadas as regras do primeiro confinamento, mas com novas exceções. É o caso da oftalmologia.

Ler mais 14 Janeiro 2021
AtualidadeOftalmologia

Mais literacia em saúde com o projeto “A Saúde no Saber”

A Ciência Viva - Agência Nacional de Cultura Científica e Tecnológica, no âmbito do concurso “Comunicar Saúde”, que visa promover a literacia em saúde em Portugal, atribuiu 20 mil euros ao projeto “A Saúde no Saber”, do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) da Universidade de Coimbra (UC).

Ler mais 13 Janeiro 2021
Atualidade