Córnea sintética ajuda cego a voltar a ver

Imagem da notícia: Córnea sintética ajuda cego a voltar a ver

Um homem de 78 anos estava dado como legalmente cego e recuperou a visão, sendo capaz de reconhecer familiares e ver números num quadro. O feito só foi possível devido ao implante da córnea sintética desenvolvida pela CorNeat que pode ser colocado diretamente no olho para substituir córneas danificadas, sem necessidade de tecido humano.

Segundo o portal Exame Informática, “a solução de implantes de córneas artificiais já existe e está disponível para pacientes que tenham este órgão danificado devido a lesões ou doenças. No entanto, dada a complexidade do processo cirúrgico, é visto como último recurso para quando o transplante de córneas ou de implantes de anéis não funciona”.

A proposta da CorNeat simplifica todo o processo, com um mínimo de pontos e cortes necessários. O material usado permite “estimular a proliferação celular, conduzindo a uma progressiva integração do tecido”, detalha a CorNeat.

Saiba mais aqui.

21 Janeiro 2021
Oftalmologia

`

Notícias relacionadas

Tiago Monteiro conclui doutoramento na UMinho

O médico oftalmologista Tiago Monteiro concluiu com sucesso as provas de doutoramento em Medicina na Universidade do Minho (UMinho). A sua tese foi subordinada ao tema "Implantação de anel intraestromal para o tratamento do Queratocone: técnica manual versus técnica assistida por laser Femtosegundo".

Ler mais 3 Março 2021
Oftalmologia

Joaquim Murta coordena projeto nacional CAT.PT

O Health Cluster Portugal (HCP), em colaboração com 12 hospitais nacionais, analisou os resultados de diferentes centros oftalmológicos, validando eficiências e racionalização de custos sem perda de qualidade na cirurgia da catarata. O projeto CAT.PT foi liderado pelo médico oftalmologista Joaquim Murta.

Ler mais 2 Março 2021
Oftalmologia