Estudo mostra que óculos de filtro azul “não reduzem” o desconforto ocular

Imagem da notícia: Estudo mostra que óculos de filtro azul “não reduzem” o desconforto ocular

“As lentes com bloqueio azul não alteraram os sinais ou sintomas de tensão ocular com o uso do computador em relação às lentes transparentes padrão”, são as conclusões de um estudo científico publicado no American Journal of Ophthalmology.

O teste “duplamente marcado, randomizado e controlado”, teve como finalidade “investigar se as lentes de bloqueio azuis são eficazes para reduzir os sinais e sintomas oculares de tensão ocular associados à utilização de computadores”.

Numa análise primária, “não foi encontrado qualquer efeito significativo para o tipo de intervenção (positiva ou negativa, p=0,164) e tipo de intervenção de optometria (blue-blocking ou clear lens, p=0,304). Para a pontuação de sintomas de tensão ocular, “não foram encontradas diferenças para a advocacia (p=0,410) ou tipos de lentes de óculos (p=0,394)”, assim como, “não foram documentados eventos adversos”.

Para a realização deste estudo 120 utilizadores de computadores sintomáticos foram “atribuídos aleatoriamente (1:1) “positivo” ou “negativo” a um clínico, a defender ou não a defender, a intervenção através de um vídeo pré-gravado”.

Os participantes receberem aleatoriamente “óculos claros (placebo) ou de bloqueio azul”. Todos os participantes foram “levados a acreditar que tinham recebido uma intervenção ativa”.

As conclusões do estudo sobre a eficácia de lentes com bloqueio de luz azul indicam que “não houve alterações dos sinais ou sintomas de tensão ocular” com o uso do computador em relação às lentes transparentes padrão.

31 Maio 2021
AtualidadeLentes e equipamentosOftalmologia

PUBLICIDADE
|MIDO 2022
`

Notícias relacionadas