Mafalda Pimpão em entrevista

Imagem da notícia: Mafalda Pimpão em entrevista

O Laboratório Edol completa 70 anos e mantém a ambição de continuar a crescer. Por esse motivo a empresa prevê inaugurar, ainda este ano, a sua nova unidade fabril em Carnaxide e abraçar novos mercados. Esta fábrica vai dedicar-se principalmente à produção de produtos da área da oftalmologia e ORL, com o fabrico de colírios com e sem conservantes, pomadas oftálmicas, gotas auriculares e gotas/sprays nasais. Em entrevista à OftalPro, a diretora de marketing e vendas do Edol, Mafalda Pimpão, refere que a ambição com a nova unidade fabril “é abraçar novos mercados, principalmente o europeu” e “continuar a ser uma referência no setor”.

O Laboratório Edol – Produtos Farmacêuticos, S.A. completa 70 anos. Que momentos ficam destas sete décadas?

Destes 70 anos ficam os momentos de grande cooperação com os médicos portugueses, nomeadamente os oftalmologistas, dermatologistas e otorrinolaringologistas. Ficam também os objetivos alcançados e as metas de evolução que considerávamos longínquas, mas que fomos conquistando graciosamente. Tem sido uma longa viagem, repleta de muita aprendizagem. Tem sido também um privilégio acompanhar o desenvolvimento médico-científico e tecnológico nestas áreas como parte integrante dele. São também 70 anos feitos de pessoas, todas as que fizeram parte do percurso Edol.

“A ambição da Edol é continuar a crescer”, afirmam. É por isso que decidiram inaugurar uma nova unidade fabril?

Claro! A última década foi de grande crescimento para o Edol, tanto a nível nacional, como internacional. Esta nova unidade em Carnaxide tinha como objetivo vir a produzir produtos para todas as áreas terapêuticas do Edol (oftalmologia, dermatologia, dermocosmética e ORL). Contudo, o crescimento dos últimos anos obrigou-nos a tomar a decisão estratégica de dedicar esta nova unidade apenas a oftalmologia e ORL e manter a unidade fabril de Linda-a-Velha dedicada a dermatologia e dermocosmética. Para além do crescimento que temos tido a nível nacional, os mercados internacionais já representam 20% da nossa faturação e hoje já exportamos para mais de 40 países. A ambição é abraçar novos mercados, principalmente o europeu e isso só vai ser possível com esta nova unidade em Carnaxide.

Leia a entrevista completa no próximo número da Oftalpro, brevemente disponível online.

28 Junho 2022
EntrevistasOftalmologia

`

Notícias relacionadas

“Pretendemos continuar a ser uma referência no setor”

O Laboratório Edol completa 70 anos e mantém a ambição de continuar a crescer. Em entrevista à OftalPro, a diretora de marketing e vendas do Edol, Mafalda Pimpão, refere que a ambição com a nova unidade fabril “é abraçar novos mercados, principalmente o europeu” e “continuar a ser uma referência no setor”.

Ler mais 15 Agosto 2022
EntrevistasLentes e equipamentos

Lisboa acolheu XXII Congresso Nacional de Ortoptistas

Com a presença de cerca de 100 participantes, a APOR realizou o XXII Congresso Nacional de Ortoptistas em Lisboa. Durante a sessão de abertura, Aldina Reis, a presidente da APOR, aproveitou para enaltecer o importante e indispensável trabalho desenvolvido pelos ortoptistas no Serviço Nacional de Saúde (SNS), desde há 60 anos.

Ler mais 11 Agosto 2022
AtualidadeEntrevistasOftalmologia