Lançado em Portugal estudo sobre Sustentabilidade e Resiliência do Sistema de Saúde

Imagem da notícia: Lançado em Portugal estudo sobre Sustentabilidade e Resiliência do Sistema de Saúde

A Parceria para a Sustentabilidade e Resiliência dos Sistemas de Saúde (PHSSR), uma colaboração global entre organizações académicas, não-governamentais, de ciências da vida, saúde e empresas, criada em 2020 pela London School of Economics, pelo Fórum Económico Mundial e pela AstraZeneca, a que mais tarde se juntaram outros parceiros, como Royal Philips, KPMG, Apollo Hospitals e o Centro de Resiliência e Inovação da Ásia-Pacífico, chega agora a Portugal para analisar como melhorar a sustentabilidade e resiliência do sistema de saúde do nosso país, contando com parceiros de investigação locais o Instituto Superior Técnico (IST) e o Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) da Universidade de Lisboa.

Ativo em mais de 20 países, a PHSSR e os seus parceiros procuram trabalhar com académicos locais, decisores políticos e outras partes interessadas, para conhecer melhor os sistemas de saúde em cada país, a vários níveis, e orientar ações, baseadas na evidência, para melhorar a sustentabilidade e resiliência dos mesmos.

Em Portugal, sob a coordenação da investigadora Mónica Oliveira, do IST, e em colaboração com a investigadora Aida Isabel Tavares, do ISEG, a PHSSR está a dar início ao estudo do sistema de saúde português, usando “uma estrutura desenvolvida pela London School of Economics para analisar o sistema de saúde do país em sete domínios – financiamento, governança, recursos humanos, medicamentos e tecnologia, prestação de serviços, saúde populacional e sustentabilidade ambiental – e que é o ponto de partida para identificar pontos fracos, oportunidades e riscos para a sustentabilidade e resiliência do sistema de saúde português” explica Aida Isabel Tavares. O resultado final será, adianta Mónica Oliveira, “um relatório que integra recomendações de políticas geradas e discutidas por um grupo alargado de especialistas de diferentes áreas afetas à saúde”, até porque, “para criar sistemas de saúde verdadeiramente sustentáveis e resilientes, é essencial que haja colaboração entre todas as partes interessadas do sistema”.

Este estudo será também uma oportunidade para partilhar conhecimento e boas práticas entre os diversos países onde está a decorrer, como refere Alistair McGuire, diretor do departamento de política da saúde e especialista em economia da saúde da London School of Economics. “A PHSSR está a aproveitar a oportunidade que a pandemia nos deu para agir e abordar questões globais de saúde. Estamos a transformar a investigação em ação, trabalhando com mais de 20 países para identificar soluções com o maior potencial, apoiar a sua adoção e partilhar conhecimento além-fronteiras”.

Espera-se que os resultados do relatório da PHSSR, em Portugal, sejam divulgados durante o segundo semestre de 2022.

Sobre a Parceria para Sustentabilidade e Resiliência dos Sistemas de Saúde

A Parceria para a Sustentabilidade e Resiliência dos Sistemas de Saúde (PHSSR) é uma colaboração entre organizações académicas, não-governamentais, de ciências da vida, de saúde e empresas com o objetivo de estudar e ajudar a construir sistemas de saúde que sejam resilientes a crises e sustentáveis perante tensões de longo prazo. Para obter mais informações sobre a PHSSR ou manter-se atualizado sobre notícias, eventos e descobertas de investigações mais recentes, visite: www.weforum.org/phssr.

Imagem de Chokniti Khongchum por Pixabay

18 Julho 2022
Atualidade

`

Notícias relacionadas

HOYA Vision Care lança nova campanha global “Myopia Care for Kids”

Esta iniciativa tem o duplo objetivo de “sensibilizar as crianças para o crescente aumento global da miopia nas crianças (que ocorre tipicamente entre os 6 e 14 anos1), assim como, sensibilizar para as “inovadoras lentes oftálmicas2 MiYOSMART, concebidas especificamente para que as crianças abrandem a progressão da miopia nas crianças entre os 8 e os 13 anos3”.

Ler mais 17 Agosto 2022
AtualidadeLentes e equipamentos

Academia do Profissional aposta na diversificação

Com o “foco” estritamente na “formação especializada”, os projetos a curto prazo de Ricardo Simões, CEO da Academia do Profissional, passam pela área de cuidados de saúde e beleza, o que pode abrir espaço ao setor da medicina dentária no futuro.

Ler mais 12 Agosto 2022
AtualidadeEventos e Formação

Lisboa acolheu XXII Congresso Nacional de Ortoptistas

Com a presença de cerca de 100 participantes, a APOR realizou o XXII Congresso Nacional de Ortoptistas em Lisboa. Durante a sessão de abertura, Aldina Reis, a presidente da APOR, aproveitou para enaltecer o importante e indispensável trabalho desenvolvido pelos ortoptistas no Serviço Nacional de Saúde (SNS), desde há 60 anos.

Ler mais 11 Agosto 2022
AtualidadeEntrevistasOftalmologia