Investigadores desenvolvem robô e jogo inclusivos

Imagem da notícia: Investigadores desenvolvem robô e jogo inclusivos

Ana Cristina Pires, investigadora do Interactive Technologies Institute, apresentou o projeto TACTOPI numa conferência internacional, um trabalho desenvolvido em colaboração com Hugo Nicolau, também do Interactive Technologies Institute, e com a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

A atividade fomenta relações sociais positivas e promove comportamentos inclusivos, criando um ambiente onde as crianças com capacidades visuais mistas podem prosperar e interagir com os seus pares.

Os investigadores concluíram que o TACTOPI tem potencial para ser usado em ambientes de educação inclusiva, como escolas e museus, e destacaram a importância de projetar tecnologias inclusivas que considerem a diversidade das necessidades e preferências das pessoas. Para compreender os benefícios a longo prazo do TACTOPI, a equipa de investigadores planeia continuar a monitorizar longitudinalmente os resultados da sua abordagem.

O Interactive Technologies Institute é um centro de investigação dedicado ao avanço da tecnologia digital e das suas aplicações em várias áreas, explorando a relação entre as pessoas e as tecnologias digitais. O seu objetivo é projetar cuidadosamente sistemas e serviços interativos inovadores que harmonizem as relações entre os seres humanos, o meio ambiente e a tecnologia, promovendo um futuro sustentável, inclusivo e esteticamente atrativo para todos.

25 Janeiro 2024
Estudos e Investigação

`

Notícias relacionadas

Ativar o córtex visual: mudar a estimulação, mas não o alvo

Dada a elevada resolução das imagens de ativação neuronal obtidas por ultrassons nas profundezas do córtex visual, os quatro cientistas interrogaram-se: "Parecia realista fazer o contrário, ou seja, projetar imagens de ultrassons no cérebro, com uma resolução espacial muito boa", resume Serge Picaud.

Ler mais 20 Fevereiro 2024
Estudos e Investigação

Investigadora desenvolve solução injetável para a regeneração de tecidos

Patrícia Alves, investigadora do Centro de Engenharia Química e Recursos Renováveis para a Sustentabilidade (CERES), do Departamento de Engenharia Química (DEQ) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), está a desenvolver uma solução injetável inteligente para auxiliar na regeneração de tecidos.  

Ler mais 8 Fevereiro 2024
Estudos e Investigação