Células estaminais para travar DMI

Imagem da notícia: Células estaminais para travar DMI

No âmbito do Dia Mundial das Doenças Raras, que este ano se celebrou a 29 de fevereiro, a BEBÉ VIDA, banco 100 por cento português de criopreservação das células estaminais do sangue do cordão umbilical, recorda que um em cada cinco portugueses sofre de uma doença rara.

Estudos recentes demonstram sucesso na utilização de células estaminais do cordão umbilical no tratamento de doenças raras, como a Degenerescência Macular Relacionada com a Idade.

Os primeiros resultados de um ensaio clínico, que consistiu no tratamento inovador com células estaminais embrionárias infundidas nas retinas de duas mulheres quase cegas, renovam a esperança para as pessoas afetadas pela DMI.

As conclusões do ensaio foram publicadas recentemente no The Lancet e, segundo os especialistas, representam um grande passo no que respeita às pesquisas com células estaminais.

 

 

1 Março 2012
Atualidade

`

Notícias relacionadas

FMUC lança projeto de literacia em saúde

“As vacinas e nós” é o tema de um projeto de literacia em saúde promovido pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC), com a colaboração do Departamento de Ciências da Vida da Universidade de Coimbra (UC).

Ler mais 8 Agosto 2022
AtualidadeCuriosidade

Curso de Anatomia e Cirurgia de Órbita decorre em setembro

No próximo dia 23 de setembro realiza-se o curso pós-graduado de Anatomia e Cirurgia de Órbita – Hands-on Cadaver Dissection, na Nova Medical School - Faculdade de Ciências Médicas, em Lisboa. Este curso será organizado numa parceria entre a Unidade de Órbita do Hospital CUF Descobertas e o Departamento de Anatomia da Faculdade de Ciências Médicas da Nova Medical School/Faculty of Medical Sciences.

Ler mais 3 Agosto 2022
AtualidadeEventos e FormaçãoOftalmologia