1 em cada 12 profissionais de saúde é vítima de bullying 

Imagem da notícia: 1 em cada 12 profissionais de saúde é vítima de bullying 
Um estudo liderado por Pedro Norton, investigador da Unidade de Investigação em Epidemiologia (EPIUnit) do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP), abordou a prevalência e os determinantes de bullying em profissionais de saúde e concluiu que 1 em cada 12 trabalhadores (8%) sofre deste tipo de agressão.

De acordo com o ISPUP, as conclusões referem também que os atos de bullying – termo que “designa a exposição sistemática à humilhação e a comportamentos hostis e violentos contra um ou mais indivíduos” – incidem sobretudo em pessoas do sexo feminino, que trabalham como enfermeiras, administrativas e assistentes operacionais”.

Segundo Pedro Norton, “os profissionais de saúde são um grupo ocupacional particularmente exposto ao bullying. Em Portugal, apenas existem dados representativos deste fenómeno em enfermeiros, pelo que este é o primeiro estudo de grande dimensão que avalia o bullying nos restantes grupos profissionais ligados à saúde”.

Saiba mais aqui.

30 Janeiro 2017
Atualidade

PUBLICIDADE
|MIDO 2021
`

Notícias relacionadas