LHON: doentes portugueses integram estudo internacional

Imagem da notícia: LHON: doentes portugueses integram estudo internacional

O Serviço de Oftalmologia do Centro Hospitalar Universitário de São João, do Porto, é um dos serviços, a nível europeu, que participa no estudo LEROS. Ao todo, juntam-se três doentes portugueses ao estudo, a quem a doença foi diagnosticada até há cinco anos. 

A investigação clínica internacional, que decorre na Europa e nos Estados Unidos da América, pretende avaliar a eficácia e segurança a longo prazo do único medicamento aprovado para tratar a neuropatia ótica hereditária de leber (LHON).

De acordo com Sérgio Silva Estrela, médico oftalmologista do Centro Hospitalar Universitário de São João que está envolvido no trabalho, “é um estudo em que são avaliados os efeitos da administração deste medicamento durante um período de dois anos”.

Saiba mais aqui.

19 Fevereiro 2019
Oftalmologia

`

Notícias relacionadas

Novo centro de formação para oftalmologistas na Índia

36 milhões de pessoas em todo o mundo são invisuais e, aproximadamente um terço, devido à catarata, uma doença tratável. Frequentemente, os indivíduos afetados não têm acesso a cuidados médicos, particularmente nas regiões mais remotas, sendo que a formação contínua de oftalmologistas e outro pessoal médico é fulcral.

Ler mais 17 Maio 2019
Oftalmologia

CIRP 2019 reúne mais de mil profissionais

O Congresso dos Grupos Portugueses de Cirurgia Implanto-Refrativa, de Superfície Ocular, Córnea e Contactologia e de Ergoftalmologia - CIRP 2019 decorreu entre os dias 2 e 4 de maio no Grande Real Santa Eulália Resort & Hotel Spa.

Ler mais 10 Maio 2019
Eventos e FormaçãoOftalmologia

Cuidados a ter com a visão durante a gravidez

Existem várias alterações oftalmológicas durante os nove meses de gestação às quais se devem ter particular atenção, adverte Inês Leal, médica oftalmologista da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia.

Ler mais 8 Maio 2019
Oftalmologia