Ordem avança com lei contra a prática ilegal da medicina

Imagem da notícia: Ordem avança com lei contra a prática ilegal da medicina

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), José Manuel Silva, alerta para o exercício ilegal da medicina por pessoas sem formação que estarão a vender produtos não sujeitos a controlo que representam um risco para a saúde, uma situação cada vez mais frequente.

“Qualquer professor Karamba pode fazer o que quiser, porque não há definição do que é o exercício legal da medicina”, disse o bastonário ao diário “As Beiras”.

A OM apresentou, há meses, à tutela uma proposta de Lei do Ato Médico, que visa garantir uma “sustentação legal para o combate da prática ilegal da medicina”. A proposta deverá em breve ter uma resposta do Ministério da Saúde, estando já agendada uma reunião para o efeito.

 

26 Setembro 2012
Atualidade

`

Notícias relacionadas

Pedro Menéres apresenta candidatura à SPO

Com a experiência de dois mandatos na direção da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO) (biénio 2015/2016 e 2021/2022), e exercício anterior como membro do Board de duas sociedades internacionais (ESA e ESCRS), Pedro Menéres apresenta agora a sua candidatura à presidência da SPO para o biénio que se inicia em janeiro de 2025.

Ler mais 16 Julho 2024
Atualidade

AbbVie apoia SEMEAR e doa 100 cabazes à Academia Johnson

A AbbVie realizou, em junho, mais um "Week of Possibilities", o seu programa global de responsabilidade social que consiste em contribuir para as comunidades locais através do voluntariado. Nesta edição, a biofarmacêutica colaborou com o projeto SEMEAR para a doação de 100 cabazes à Academia Johnson.

Ler mais 15 Julho 2024
Atualidade