Visão de ratos é restaurada

Imagem da notícia: Visão de ratos é restaurada

Uma equipa de cientistas da Universidade de Oxford conseguiu restaurar a visão de ratinhos de laboratório completamente cegos com uma injeção de células foto-recetoras capazes de se converterem em bases de uma retina assim que entram no olho.

De acordo com o portal Ciência Hoje, este pode ser mais um passo importante para se combater a cegueira que afeta 45 milhões de pessoas em todo o mundo. Os ratos sofriam de retinite pigmentosa, uma doença que provoca perda gradual das células foto-recetoras da retina encarregadas de permitir a visão em condições de baixa luminosidade, o que faz com que não se consiga ver a diferença entre a luz e a escuridão. Apesar de não ser isto que provoca todos os casos de cegueira a descoberta poderá ser uma esperança para muitas pessoas com doenças oculares degenerativas.

No estudo, os investigadores utilizaram ratos com carência total de células foto-recetoras na retina e com a injeção conseguiram recriar toda a estrutura da mesma. “É a primeira prova de que é possível reconstruir toda a camada foto-recetora”, explica Robert MacLaren, em declarações à BBC.

Falta conseguir resultados idênticos em humanos. Para isso, os investigadores estão já a realizar ensaios com células-mãe embrionárias humanas no Moorfields Eye Hospital, de Londres. Os primeiros testes estão a ser realizados em pacientes com a doença de Stargardt, uma forma de degeneração macular, sendo que os resultados preliminares sugerem que a técnica é segura. No entanto, os responsáveis pela novidade referem que serão necessários vários anos para que se consiga obter resultados fiáveis.

30 Janeiro 2013
Atualidade

`

Notícias relacionadas

Consumo de drogas poderá causar deficiência visual

Gerardo Gleason, especialista mexicano em tecnologia para cirurgias oftalmológicas, alertou que “o consumo de substâncias psicoativas, naturais ou sintéticas, que atuam no sistema nervoso gerando alterações nas funções que regulam pensamentos, emoções e comportamento, aumentam as hipóteses de deficiência visual ou cegueira”, revela a Lusa.

Ler mais 21 Junho 2024
Atualidade

OftalPro completa 15 anos

A revista dirigida aos profissionais da oftalmologia alcança em 2024 o seu 15º aniversário. Nascida em 2009, a OftalPro publicou já 65 edições da sua revista, vincada pela aposta na publicação em papel, sem nunca descurar o contacto mais direto e imediato proporcionado pelas novas tecnologias que avançaram na sociedade desde a sua criação.

Ler mais 20 Junho 2024
Atualidade