Estudo revela que astigmatismo piora após cirurgia às cataratas

Imagem da notícia: Estudo revela que astigmatismo piora após cirurgia às cataratas

A Alcon apresentou uma análise de dados em tempo-real que observa o impacto de não se tratar o astigmatismo durante uma cirurgia às cataratas, e os resultados do estudo “More to See” revelam a falta generalizada de conhecimento acerca da patologia da catarata e opções de tratamento disponíveis.

Novos dados mostram que o astigmatismo tende a piorar após cirurgia às cataratas com uma lente monofocal IOL padrão, enquanto que o conhecimento dos doentes acerca de tratamentos tecnologicamente avançados é limitada.

“O astigmatismo residual após uma cirurgia às cataratas apresenta um desafio adicional para os doentes, na medida em que pode distorcer a visão e aumentar a necessidade de óculos de leitura”, referiu David F. Anderson. “Aproveitar a oportunidade para tratar cataratas e astigmatismo durante a mesma cirurgia pode conduzir a benefícios significativos para os doentes. Portanto, é importante que as pessoas compreendam completamente as suas opções de tratamento”.

Os resultados obtidos nestes dois estudos foram apresentados no XXXV Congresso da Sociedade Europeia de Cirurgia Refrativa e da Catarata (ESCRS), que ocorreu de 7 a 11 de outubro em Lisboa, Portugal.

Saiba mais em breve.

16 Novembro 2017
Oftalmologia

PUBLICIDADE
|MIDO 2021
`

Notícias relacionadas