OrCam Read auxilia pessoas disléxicas ou com dificuldades de leitura

Imagem da notícia: OrCam Read auxilia pessoas disléxicas ou com dificuldades de leitura

A OrCam Technologies, empresa israelita especialista em tecnologia baseada em inteligência artificial para pessoas que são cegas, disponibilizou à Biblioteca Nacional de Portugal o dispositivo OrCam Read, um novo produto que pretende ajudar as pessoas com dificuldades de visão ou de leitura a ler. Este, traz uma nova abordagem aos assistentes de leitura, já que é o primeiro dispositivo feito para ser segurado, que captura páginas de texto e as lê em voz alta ao utilizador. 

O aparelho está desenhado para pessoas com dificuldades de leitura derivadas de fadiga, dislexia, afasia ou outras condições, bem como para pessoas que leem grandes quantidades de texto. “Ficamos extremamente satisfeitos por podermos auxiliar pessoas com algum tipo de dificuldade, no seu trabalho ou nos estudos, disponibilizando o nosso aparelho num local onde podemos criar uma experiência de leitura perfeita para todos,” diz Fabio Rodriguez, Country Manager de Portugal e Espanha. “Em Portugal, estima-se que aproximadamente 6% da população seja disléxica e o OrCam Read, pretende ajudar a colmatar este desafio, podendo mesmo ser utilizado como uma ferramenta de uso escolar ou, neste caso, institucional”.

Nesta primeira fase de lançamento, o aparelho estará disponível na Biblioteca Nacional de Portugal para utilização exclusiva na Sala de Leitura da Área de Leitura para Deficientes Visuais (ALDV) por utilizadores registados e com o apoio dos técnicos da ALDV. 

12 Outubro 2020
Atualidade

`

Notícias relacionadas

Novo confinamento: oftalmologistas podem abrir portas

O Governo já anunciou as medidas do novo confinamento geral para um combate necessário ao avultado número de infetados com Covid-19. Na generalidade, voltam a ser aplicadas as regras do primeiro confinamento, mas com novas exceções. É o caso da oftalmologia.

Ler mais 14 Janeiro 2021
AtualidadeOftalmologia

Mais literacia em saúde com o projeto “A Saúde no Saber”

A Ciência Viva - Agência Nacional de Cultura Científica e Tecnológica, no âmbito do concurso “Comunicar Saúde”, que visa promover a literacia em saúde em Portugal, atribuiu 20 mil euros ao projeto “A Saúde no Saber”, do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) da Universidade de Coimbra (UC).

Ler mais 13 Janeiro 2021
Atualidade

Dezembro em números

Fique a conhecer as cinco notícias mais lidas no nosso site durante o mês de dezembro de 2020.

Ler mais 4 Janeiro 2021
Atualidade