Monitorização na dispensa de antibióticos vai ser obrigatória

Imagem da notícia: Monitorização na dispensa de antibióticos vai ser obrigatória

Necessidade de combater a resistência preocupante dos agentes infecciosos aos antibióticos. É esta a causa apresentada pelo director-geral da Saúde quando questionado sobre a nova medida de obrigatoriedade de justificação na prescrição destes fármacos.

À margem do encontro que decorreu sobre a “Infecção associada aos cuidados de Saúde em Portugal”, Francisco George não escondeu a sua preocupação no que concerne à resistência aos antibióticos e diz até que “estamos na iminência de poder não ter antibióticos activos contra as bactérias”, sendo o caso mais preocupante o da tuberculose.

Com esta mudança vai existir uma monitorização na dispensa de antibióticos nas farmácias hospitalares e “os médicos vão ter de dar explicações sobre esta prescrição”, acrescenta Francisco George.

Portugal é um dos países europeus com maior taxa de prescrição e consumo de antibióticos. Um facto que já em 2011 foi sublinhado pelo Sistema Europeu de Vigilância da Resistência aos Antimicrobianos, onde Portugal ocupa a nona posição entre os países da União Europeia com consumos mais elevados.

30 Novembro 2012
Atualidade

PUBLICIDADE
|MIDO 2021
`

Notícias relacionadas

SPO com novo webinar a 21 de abril

Ciclo de conferências online continua esta quarta-feira, 21 de abril, com debate sobre os “doentes a referenciar à baixa visão”.

Ler mais 20 Abril 2021
AtualidadeEventos e FormaçãoOftalmologia