Setor público rege-se por baixo preço para dispositivos médicos

Imagem da notícia: Setor público rege-se por baixo preço para dispositivos médicos

A Associação Portuguesa das Empresas de Dispositivos Médicos (Apormed) está “preocupada com o facto de a sua aquisição no setor público realizar-se por critérios de baixo preço, colocando em risco a utilização de tecnologia de primeira linha, mais inovadora”, defendendo ainda a igualdade de acesso aos dispositivos de saúde em Portugal.

De acordo com o portal Tempo Medicina, este foi um dos temas em destaque durante a cerimónia de tomada de posse da nova direção da Associação, realizada recentemente em Lisboa, e que contou com a presença do secretário de Estado da Saúde, Manuel Delgado, entre outras individualidades.

Saiba mais aqui.

29 Maio 2017
Lentes e equipamentos

`

Notícias relacionadas

INDO reforça portefólio de lentes e tratamentos

O produto estrela – o antirreflexo Natural SuperClear – continua a ser a aposta definitiva no campo dos tratamentos. Em simultâneo, a INDO incorpora a gama Avista, um conjunto de soluções para pacientes com baixa visão e necessidades especiais.

Ler mais 23 Maio 2019
Lentes e equipamentos

CooperVision apoia os livros brancos da miopia

A CooperVision está a expressar o seu firme apoio à publicação, por parte do Instituto Internacional da Miopia (IMI, siglas em Inglês), dos esperados oito Livros Brancos. Publicados nos últimos dias, os relatórios cobrem uma variedade de temas que se consideram essenciais para melhorar o conhecimento clínico e as práticas relacionadas com a redução do impacto da miopia.

Ler mais 16 Maio 2019
Lentes e equipamentos

i3O apresenta retinógrafo Optomed Aurora

O retinógrafo portátil Optomed Aurora foi lançado na exposição mundial da ESCRS que ocorreu em outubro de 2017 em Lisboa, juntamente com a i3o, o representante oficial em Portugal.

Ler mais 13 Maio 2019
Lentes e equipamentos