Queimaduras oculares em crianças causadas por cápsulas de detergente

Imagem da notícia: Queimaduras oculares em crianças causadas por cápsulas de detergente

Um estudo publicado em março de 2017 na revista científica Journal of the American Medical Association (JAMA) concluiu que houve um aumento de 40 vezes no número de queimaduras químicas oculares em crianças, entre 2012 e 2015, nos EUA, devido a cápsulas de detergente para a roupa. Segundo a revista Visão, “as queimaduras químicas oculares são uma causa significativa de problemas e perda de visão nos EUA, podendo deixar sequelas para a vida”.

Os cientistas da Johns Hopkins University, situada em Baltimore, EUA, analisaram, numa base de dados nacional, relatórios relativos a casos de queimaduras químicas oculares e conjuntivites que procuraram os serviços de urgência entre 2010 e 2015. Focaram-se depois nos registos relativos a crianças entre os 3 e os 4 anos de idade e concluíram que, nesta faixa etária, terá havido um total de 1.201 casos de queimaduras oculares causadas por detergente em cápsula.

O número destas queimaduras registou um aumento de 40 vezes entre 2012 e 2015, de 12 para 480 casos registados, sendo que mais de um quarto das queimaduras oculares associadas a esta faixa etária deveu-se a cápsulas de detergente.

Saiba mais aqui.

24 Outubro 2017
Oftalmologia

PUBLICIDADE
MIDO 2021
`

Notícias relacionadas

Especialistas apelam à retoma da vigilância oftalmológica

Embora os tempos recentes tenham conduzido a alterações substanciais no acesso aos cuidados oftalmológicos, os tratamentos e consultas de acompanhamento junto do profissional da visão devem ser mantidos numa base regular para evitar danos graves na visão.

Ler mais 9 Outubro 2020
Oftalmologia