“Lido com uma área nobre da vida das pessoas”

Imagem da notícia: “Lido com uma área nobre da vida das pessoas”

Para a entrevista de capa da OftalPro 27 falámos com Manuel Castro Neves, coordenador do Departamento de Otalmologia da CUF Porto e o chefe-executivo da Iberoftal, um apaixonado pela área das ciências visuais há já algum tempo.

“Sempre tive jeito para trabalhos manuais e minuciosos, em qualquer arte”, começou por nos contar.

A ligação à Oftalmologia foi, portanto, bastante natural.

Duas vertentes atraem o experiente profissional nesta especialidade médica, as quais sente “realmente saudades” quando se afasta “por muito tempo em congresso ou férias: o ato cirúrgico e o fator humano.

Isto porque em Oftalmologia “as cirurgias resultam numa situação que é definida quase no imediato. Não é, como por exemplo, na área da oncologia em que, infelizmente muitas vezes, não conseguimos prever o resultado”.

Por isso realiza a cirurgia de cataratas ou de miopia e, no dia seguinte, algo de especial acontece: o paciente a sente “a diferença”.

Trata-se da “sensação de que valeu a pena ter-me esforçado tantos anos a lidar com estas situações, com tantos momentos subtraídos ao lazer e à família… Realizo um ato com uma finalidade e provo-o logo, saboreio-o no imediato. Considero que faço coisas importantes e que lido com uma área nobre da vida das pessoas”, explicou-se Manuel Castro Neves.

Leia a entrevista na íntegra aqui.

25 Novembro 2014
Entrevistas

PUBLICIDADE
MIDO 2021
`

Notícias relacionadas

Entrevista com Joaquim Mira em formato vídeo

Joaquim Mira, natural de uma aldeia do concelho da Batalha, nunca imaginou que seria médico oftalmologista, mas sempre soube que o seu objetivo era ir longe. Veja aqui parte da sua entrevista em vídeo!

Ler mais 28 Agosto 2020
EntrevistasOftalmologia

A oftalmologia depois da Covid-19

Os impactos da pandemia Covid-19 na oftalmologia e noutras ciências da visão, como a ortóptica, as medidas que os profissionais, clínicas e unidades hospitalares devem tomar para minimizar uma nova crise e os pontos positivos a retirar de toda esta situação foram as questões colocadas pela OftalPro.

Ler mais 1 Julho 2020
EntrevistasOftalmologia